17 de julho de 2009

BATE-PRONTO!
As respostas mais intrigantes
esclarecidas agora
(ou Tudo que você queria perguntar ao cartunista):
.
Estilo:
Desenhos biográficos sempre foram uma válvula
de escape pra desopilar. Depois que notei que
"quando mais besta melhor", não parei mais de me
desenhar em situações rotineiras - seja se lascando,
ou seja curtindo umas numa mesa de bar.

Desde Crumb que a idéia existe. Não é nova.
De Maurício de Souza à Angeli, até a nova geração
de quadrinistas atuais, sempre haverá alguém fazendo
e produzindo quadrinhos sobre si mesmo.
Vale quem tiver a melhor sacada. Ou lembrança.
Ou vida mais agitada. No meu caso, acrescento meus
filhos no embalo e a coisa fica mais thuns...

O Bom é quando as pessoas dizem:
— Aquela tirinha tal e tal... porra! Me indentifiquei
na hora com ela. Sabia que faço tudo aquilo também?!
(cardápio sujeito à alterações)~
.
Influências:
Comecei copiando marcas
(lembrei disso ao ver o Almanaque Anos 80).
Fiz bastante a logo do Cometa Halley. Desenhei e pintei muito
as embalagens de chocolates como Chokito, Surpresa e Galak
(uns bichinhos tomando leite, saca?! > coelho, castor, esquilo...).
Depois copiei meu irmão, que desenhava os personagens
do Hanna & Barbera e da Marvel nos cadernos.

Tudo baseado nos álbuns de figurinhas que empestavam
as bancas com encanto. Diferente de hoje que só estão lá
pra fazer volume.

O passo a passo foi longo. Se o traço me agradasse, eu lia mesmo!
Mônica (muito!), depois Disney, Conan e MAD.
Com a MAD, peguei os macetes dos fanzines e daí desembestei.
Não necessariamente nessa ordem, todos citados abaixo fez eu
um dia dizer
— puta que paríu! Que porra de traço do caralho... ou
— Por que eu não tive essa idéia?

Lista:

- Robert Crumb & Pekar (Os atlantis dos quadrinhos!)
- Angeli (TUDO do TUDO! E em especial Bob Cuspe!)
- Laerte (ângulos alienígenas)
- Milo Manara (uhhh)
- Sérgio Aragonés (detalhes!)
- Mariana Cassotto
(uhhh - 02!)
- Maitena (leite que nunca acaba da pedra!)
- Adão (saliente dos salientes)
- Glauco (fresco dos frescos)
- Marc Silvestri (maior traço que a Marvel já teve!)

- Jean (desenhos que andam, se movem, pulam...)
- Fernando Gonsález (não existe!)
- Paulo Caruso (pinceladas)
- Nani (a putaria viva!)

- Mark Ryden (a perturbação existe!)
- Leonardo da Vinci (homem-tudo!)
- Bosch (a inquietação também existe!)
- Jim Lee (riscos!)
- Frank Miller (o Tarantino dos quadrinhos!)
- Allan Moore [
(Watchmen é a maior obra americana produzida na Europa!)
- HenfiL (traço com vida)
- Carl Barks (arqueologia pura!)

- Ed (vida com traço)
- Ralph Steadman (o sujo bonito!)
- Hemetério (o arquiteto que projeta cartuns)

- Carlus Campos (o multifacional!)
- Leonardo (desenhar é vida!)
- Dahmer (o malvado!)
- Sieber (o perverso!)
- Arnaldo Branco (o cruel!)
- Ziraldo (menos Menino Maluquinho!)

- Millôr (Pasquim até - atualmente - revista Veja!)
- Jaguar (Pasquim!!!)
- Mort Druker (caricaturas!)
- Grampá (um maia no meio de nós!)
- Fábio & Gabriel (o queijo e a nata nacional)
- Mauro Silva (um dos maiores ilustradores nacionais)
- Tom Richimond (MAD Magazine!)
- Gabriel Renner (mui bróder - Riscos de ranger nos ouvidos!)
- Benett (lorotas legais)
- Kemp (lorotas legais 2)
- Weaver (o chato que desenha com a régua dos anjos - srsrsr)
- Dálcio Machado (só perde pro Quinho)
- Quinho (só perde pro Dálcio)
- Cárcamo (só perde pro Caul Gomes)
- Caul Gomes (só perde pro Cárcamo)
- Gustavo Duarte (as linhas do absurdo!)
(cardápio sujeito à alterações)
.
Material e programas que uso:

De todos os quadrinhos que já produzi, 80% das idéias
tive quando estava de ressaca (ou numa mesa de bar)
e, acreditem, dentro do ônibus.
Adoro andar de ônibus (quer dizer, menos de ressaca!).

Rabisco geralmente com lápis de cor azul.
Papel A4 pro desenho todo. No caso das tirinhas,
dobro a folha ao meio e corto. Fica na medida exata.

O lápis azul geralmente não sai no escanner, e quando sai,
é bem fraquinho e fácil de apagar no Photoshop CS2.

Cubro com futura. se não tiver Futura, vai caneta porosa.
Às vezes uso nanquim, cobrindo com pincel nº 02.
Os traços mais finos faço com caneta esterográfica - ponta grossa.

Reparem bem nessa estética usada nas tiras.
- Quando o assunto é "recordações"
(exemplo: "em 1987, eu vivia..."
ou "casos que envolvem alcoolísmo"), uso letras escritas à mão.
Dá um tom de passado, ou de falta de coordenação motora - srsrr).
- Quando o assunto é "temático"
("coisas que não faço..." ou "personagens avulsos"),
uso fonte de computador.

A fonte foi feita pelo Jefferson (tem seu nome!)
- AQUI SEU BLOG - que passa essa humilhação na
minha cara até hoje. Jefferson também me serve de
influência.
Não sei de quê, mas escrevo aqui pra ele ficar contente
e pagar um feijão-verde quando me visitar no jornal...

Também uso CorelDrawn pra fazer traços mais perfeitos,
exportando pro Photoshop e finalizando com efeitos e cores.
(Cardápio sujeito à alterações).
.
Referências:

São milhares. Tirando meus filhos, não necessariamente nessa
ordem, respiro tudo na lista abaixo pra poder criar o que vocês
admiram>:

- MEUS FILHOS !!!
- Atuais (Megan Fox, Fernanda Souza, Sarah Roemer, Isabel Lucas...)
- Eternas (Britney Spears, Avril Lavigne, Shakira, Letícia Spiller...)
- Ao meu lado (Hébely - de A a Z!!!, Lorena Portela, Lorena criaturinha-verde,
janaína cabeça de bila... a lista é infinita - espero a compreensão de todas!).
- Quentin Tarantino e sua leva (Kill Bill, Pulp Fiction...).
- Robert Rodriguez.
- Hannibal Lecter e toda leva de personagens da história do cinema
(O Predador, O Exorcista, Alien, Sinbad e o olho do tigre, Blade Runner,
Guerra dos Mundos, Transformers, A Mosca, Piranhas assassinas...)
- Hip Hop de raiz! Nada desse blém-blém da atualidade. Nada dessa
meleca que o gênero se tornou. [ Vai alguma coisinha inteligente
que ainda sai ano a ano, mas alguma coisinha messssssmo! ].
- Beastie Boys (que não é só Hip Hop!).
- Tosqueira
(isso inclue piadas bestas, montagens, fanzines, placas de rua,
vídeos, pornografia, trocadilhos, estampa de camisetas,
vaias, comidas trashes, publicidade, documentários, conspirações,
bula de remédio, encarte de supermercado, revistas de moda...
- em qualquer lugar pode existir uma idéia pra se desenvolver).
- Orgulho de ser nordestino!
(maxixe, molho de pimenta e tudo relacionado à vísceras/tripas de
boi ou carneiro cozido. Rapadura, cuscuz, barro, rede, caatinga,
fauna, temperatura, vocabulário, cangaceiros e costumes...)
- Decotes e Sorrisos. Quanto mais feminino e natural, melhor!
- Bundas, pescoço, cintura, coxas, andado. Idem!
- Distorção bem feita. Músicas com começo-meio-fim.
Agradou os ouvidos, tô ouvindo. Besta é quem ignora
e tem vergonha de suas próprias vontades:
Cindy Lauper, Metallica, Roxette e Reginaldo Rossi, qual o problema?
- Mil situações (chuva de madrugada, topada, infecção intestinal...)
- Fotografia (Fábio Lima, você é foda!)
- Desenhos animados em geral
(desde "Formiga Atômica" e "Herculóides" à super-produções como
"Wall-e", "Procurando Nemo", "Carros", "Tá dando Onda",
"Kung Fu Panda", "O galinho Chicken Little", "A Era do Gelo", "Shrek"...
(Cardápio sujeito à alterações)
.
Quem olha o quê:
Fuço a internet pra caralho.
Não necessariamente nessa ordem, visito diariamente, quase todo dia
ou quando lembro os seguintes links.

-Sedentário & Hiperativo (A maior mídia virtual que existe!)
-
Dia da Chica
(Lorena Portela - a maior Jornalista de blogs de Fortaleza)
- Universo HQ (o que rola no mundo dos quadrinhos!)
- Blog dos Quadrinhos (os quadrinhos que rolam no mundo!)
- Eu Tenho Uma Teoria (Jéssika Thaís escreve muito!)
-
Saber é bom demais (A segunda maior mídia virtual que existe!)
- 18 qt (pornô - segure o fôlego antes!)
- Brazil Cartoon (Salões de humor Nacionais e Internacionais)
- Pensamentos Dispersos (Rebeca e seus muitos conceitos! ;))
- Vitrais amarelos (Patrícia é mui sábia ! ;))))
- Petite Folie (Mariana: a Jornalista mais birrenta do Nordeste!)
- Orkut
- You Tube
- Chargeonline (charges dos principais jornais do Brasil!)
-
Revista Singular (Blog da maior revista do Ceará!)

- Além dos muitos Blogs e sites dos cartunistas que me inspiraram
e me inspiram até hoje [isso inclue o blog do Jefferson, só pra ele
também pagar a Coca junto com o feijão. :).].
(Cardápio sujeito à alterações).
.
Por onde andas meu documentário:
Não sei!
E espero que não saia até 2012, quando o Sol, a Lua e a Terra se alinham
pra fuder o eixo desse planeta mandando tudo pras cucuias.
(Cardápio sujeito à altrações... e muitas!)
.
Grato!

10 comentários:

Jefferson Portela disse...

PUTAQUEPARIU! NEM PRA REFERENCIA EU SIRVO.. HAHAHAHA

Rose Araujo disse...

Passarei por aqui de vez em quando para acompanhar seu trabalho!!!!

Abraços,

:)

Nicolino disse...

Guabiras abriu a sua caixa preta! Quem se garante, não esconde o jogo.

Italo disse...

Cansou de responder isso em mesa de bar foi?

hauhuhauah

Hébely disse...

Vala, abalei! Sou mais fodona que o Tarantino, huhu! Iarnuôô iarnu stilvee!! Beijo, Guararapes!

Hemeterio disse...

ÊÊÊÊ! Fui citado pelo Guabiras! A influência é mútua, man!

Jessika Thaís disse...

Quase cgorei!!!
Minha nossinhora!!

Bem... acabei de ler o vida e arte de ontem e vi sua opinião lá, corri aqui pra ver as novidades e quase infarto (só não fiz isso pq estou no trabalho em momento ocioso, as pessoas estranhariam). MAs cara, vc sabe q sou sua fã, q vc se garante e... (tah bom de rasgação de seda né?)
Bem, valeu aí a indicação.

E ainda bem q você conseguiu explicar seu processo criativo e percepi que não louca. Tenho ótimas idéias de ressaca e dentro do ônibuas tbm.

=*****

Rafael Doido disse...

Cara,
Fazia um tempo que eu tava meio sumido do teu blog, mas agora voltei!
Vi até o blog do Jefferson Portela, que cara imoral, mas é bem bacana!!!
hehehehehehe
Um abração rapaz!!
Ah voltei com outro blog. Aparece se puder!

Ester Beatriz disse...

Puxa, não pude deixar de vir aqui para te agradecer pela menção, especialmente pela referência que fez ao Saber.
Massageou meu ego! ;)

Abraço!

FABIO LIMA FOTOJORNALISMO disse...

Valeu pela referência, grande Guabiras! acompanho sempre o blog , mas tinha passado batido na citação que fez à minha pessoa, você é que é foda meu brother, hehehehe.